Política de cookies Lusíadas Saúde
Usamos cookies em todos os nosso sites para melhorar o desempenho e a sua experiência como utilizador. Ao prosseguir, está a declarar aceitar todos os cookies dos sites do grupo Lusíadas Saúde.

Política de cookies
Lusíadas Cascais
Contacto Geral 24h

Perguntas e Respostas sobre a Gripe

   1. O que é a gripe?

A gripe é uma infeção altamente contagiosa que pode afetar pessoas de qualquer idade. É uma infeção causada pelo vírus do género influenza dos tipos A e B.

 É uma doença sazonal, que ocorre com maior frequência durante os meses de outono e inverno.

O vírus da influenza do tipo A é o mais patogénico para o Homem, e o responsável pelas epidemias. Sendo que de acordo com a Organização Mundial da Saúde e a European Centre For Disease Prevention and Control (ECDC) a variante predominante do vírus desta época é o H3N2.

 

     2. Como se transmite a gripe?

A transmissão ocorre de pessoa para pessoa através de gotículas formadas e expelidas ao tossir ou espirrar, ou através do contacto direto, por exemplo pelas mãos quando em contacto com superfícies contaminadas.

Estas gotículas contêm o vírus que ao entrar em contacto com o nosso organismo irá dar origem à doença após o período de incubação - tempo desde o contágio até o surgimento dos primeiros sintomas.

O período de incubação pode variar entre 1 a 4 dias

O período de contágio, por sua vez, inicia 2 dias antes do começo dos sintomas e pode prolongar-se até 5 dias após, sendo que nas crianças este período pode ser superior a uma semana.

 

    3. Quais são os sintomas da gripe?

  • Mal-estar generalizado
  • Febre, com temperatura superior a 37,8ºC
  • Arrepios
  • Dor de cabeça (cefaleia)
  • Dor muscular e articular
  • Tosse seca ou tussícula
  • Dor de garganta

 

A febre é um dos sintomas mais comuns na gripe. Normalmente os doentes com gripe podem apresentar febre entre dois e cinco dias, acompanhada de dor muscular, e por vezes, sintomas de constipação, como por exemplo congestão nasal /nariz entupido, espirros, dor ou irritação da garganta. Habitualmente os doentes com gripe melhoram após cinco dias, embora em alguns casos a melhoria só aconteça após uma semana. Existem casos em que os doentes podem apresentar fadiga ou prostração durante algumas semanas após a resolução dos sintomas.

 

   4. Quais são as complicações da gripe?

A complicação mais frequente da gripe é a pneumonia, no entanto esta ocorre geralmente em grupos de risco, tais como:

  • Pessoas com idade igual ou superior a 65 anos
  • Doentes crónicos e imunodeprimidos - terapêutica de substituição renal crónica (diálise), submetidas a transplante de células precursoras hematopoiéticas ou transplante de órgãos, trissomia 21 e quimioterapia
  • Grávidas
  • Diabéticos
  • Pessoas com doenças respiratórias – fibrose quística, patologia do interstício pulmonar e doença pulmonar obstrutiva crónica.

      

   5. Qual o melhor tratamento para a Gripe?

O tratamento é sintomático, isto significa que o objetivo é controlar e aliviar os sintomas causados pela gripe.

Para uma rápida recuperação:

  • Não se automedique com antibióticos (a gripe é causada por vírus e os antibióticos não têm qualquer efeito)
  • Se estiver grávida: consulte ao seu médico ou ligue para a SNS 24 antes de iniciar qualquer medicação
  • Beba líquidos em quantidade suficiente
  • Fique em casa
  • Pode tomar paracetamol para aliviar sintomas como a febre e dor muscular
  • Utilize soro fisiológico para a congestão nasal
  • Mantenha o seu espaço com uma temperatura amena

      

    6. Em que situação devo procurar assistência Médica?

  • Se sentir dificuldades em respirar
  • Se sentir dor no tórax
  • Se tiver vómitos incontroláveis (dado que este sintoma pode provocar desidratação em especial nas crianças e nos idosos).
  • Diminuição do volume e frequência de urina

 

    7. Como posso prevenir a gripe?

A vacinação contra a gripe é a principal medida de prevenção e tem como objetivo proteger as pessoas mais vulneráveis, prevenindo a doença e as suas complicações.

Cumpra com as medidas de etiqueta respiratória:

  • Tossir ou espirrar para um lenço descartável ou para o antebraço
  • Lave as mãos
  • No caso de estar com gripe é aconselhado o distanciamento social

     

    8. Onde, quando e como me posso vacinar?

A vacina está disponível, gratuitamente, nos centros de saúde para alguns dos grupos de risco. As pessoas não abrangidas pela vacinação gratuita podem adquirir a vacina nas farmácias, sob prescrição médica, beneficiando de comparticipação de 37%.

A vacinação é gratuita nos Centros de Saúde para:

  • Pessoas com idade superior a 65 anos
  • Residentes ou internadas em instituições
  • Grupos de maior risco clinico, independentemente da idade, sem necessidade de declaração médica:
    • Diabetes Mellitus
    • Terapêutica de substituição renal crónica (diálise)
    • Trissomia 21
    • Doentes que estejam a aguardar ou que já tenham sido submetidos a transplante de células percursoras hematopoiéticas ou de órgãos sólidos
    • Profissionais do Serviço Nacional de Saúde (SNS) e Bombeiros com atividade assistencial
  • Com necessidade de declaração médica, referindo a sua inclusão num destes grupos de risco:
    • Sob quimioterapia
    • Fibrose quística
    • Défice de alfa-1 antitrispina sob terapêutica de substituição
    • Patologia do interstício pulmonar sob terapêutica imunossupressora
    • Doença crónica com comprometimento da função respiratória, de eliminação de secreções ou com risco aumentado de aspiração de secreções

 

Fontes:

UpTodate: Patient education: Influenza symptoms and treatment (Beyond the Basics) https://www.uptodate.com/contents/influenza-symptoms-and-treatment-beyond-the-basics?source=see_link#H1

DGS: Gripe. https://www.dgs.pt/paginas-de-sistema/saude-de-a-a-z/gripe.aspx

Marta Leite Ferreira. Observador. Esta Gripe é mesmo mais forte que o normal? http://observador.pt/explicadores/esta-gripe-e-mesmo-mais-forte-que-o-normal/09-o-que-acontece-se-uma-gripe-nao-for-tratada-convenientemente/

Saúde 24: http://www.saude24.pt/PresentationLayer/modulo_01.aspx?moduloid=44

Flu News Europe. http://flunewseurope.org/